domingo, 28 de junho de 2009

Os meus passeios pela Blogosfera

No dia 5 de Julho faz cinco anos que morreu Sophia de Melo Breyner Andresen, uma das pessoas que escreveu a poesia de que gosto! Nos meus passeios pela blogosfera encontrei sintetizado um artigo de Alexandra Lucas Coelho sobre o espólio de Sophia que vale a pena ler!
Fica aqui um pequeno lindo poema desta grande poetisa:

Quem me roubou o tempo que era um
Quem me roubou o tempo que era meu
O tempo todo inteiro que sorria
Onde o meu Eu foi mais limpo e verdadeiro
E onde por si mesmo o poema se escrevia

6 comentários:

Meg disse...

Uma bela poeta a Sophia!
Uma mulher com M grande, recheada de sensibilidade, mas também uma lutadora.
Adorei esta alusão no Blogg.
Estamos de acordo.
É um belíssimo poema, um sentimento de revolta, que afinal todas partilhamos, sobretudo quando o tempo se esvai....
Abraço
Meg

Andradarte disse...

Sempre tentei não deixar roubar o
tempo que era meu......nem sempre
conseguido ,mas muito alcançado, se bem
que à custa de cedências 'estratégicas'.
Bonito Post.
Beijo

Isa disse...

Só agora vim deixar uma palavrinha.
Para mim continua a ser uma referência na Poesia portuguesa.
Encantei-me desde os meus tempos de "Menina e moça me levaram de casa dos
meus Pais...."(o nosso Romântico avant la lettre",Bernardim Ribeiro)
Parabéns por mais esta belíssima escolha.
Beijo.
isa.

Pico minha ilha disse...

Adoro Sophia, uma boa escolha sim.Mudei o link do blog pois andava a ser copiada.Um beijinho e até

Baila sem peso disse...

Obrigada pela partilha
hoje não tenho tempo de ler...
a semana começou mal a valer...
coisas da vida,
mas a vida tem de se viver...

Um beijinho Alcinda
A Poetisa merece este dizer...
...voltarei para o espólio ler!

elvira carvalho disse...

Gosto muito da Sophia.Uma excelente poet(is)a.
Um abraço e uma boa semana