quarta-feira, 24 de junho de 2009

Museu da Electricidade


«Marco arquitectónico da cidade de Lisboa e detentor de uma fachada de inegável beleza, o edifício da Central Tejo foi um verdadeiro pioneiro no seu tempo no domínio da produção de electricidade. Hoje, e passado quase um século desde a sua construção, a Central assume, de novo, aspectos inovadores e de grande protagonismo enquanto Museu da Electricidade.

O núcleo principal da exposição permanente é a própria Central, ou seja, todo o conjunto de equipamentos que faziam parte da instalação da antiga unidade de produção e que, felizmente, se encontram ainda hoje com uma integridade assinalável. A exposição procura transmitir aos visitantes uma noção clara do funcionamento desta antiga central termoeléctrica de Lisboa, desde a identificação dos seus diversos componentes até à explicação do seu funcionamento.»

Foi o meu passeio de ontem: visitei o museu de que ponho aqui um resumo do site e a exposição World Press Photo que este acolhe agora como exposição temporária. Há também uma exposição de Fernanda Fragateiro.E ainda um bar restaurante da cadeia Amo-te, o Amo-te Tejo. Nós escolhemos um outro restaurante com vista sobre o Tejo ali bem pertinho! Entre momentos culturais, gastronómicos, de fruição da paisagem ribeirinha e do excelente convívio com as amigas passei ontem um belo dia ! Uma visita a este Museu vale a pena, está muito bem musealizada a antiga central termoelectrica de Lisboa!

14 comentários:

Victor Gil disse...

Olá amiga.
Embora trabalhe numa instituição que tem um rico Museu (Gulbenkian), nunca visitei este. Mas com este teu comentário, despertou-me a curiosidade. Vou tentar arranjar algum tempo disponível.
Já tenho a minha foto no perfil.
Beijos
Victor Gil

Isa disse...

Bom dia,Alcinda.
Ñ visitei o espaço de que fala.
Despertou-me a curiosidade,por palavras e imagens.
Beijo.
isa.

Andradarte disse...

Muito bom Alcinda. Isso é que é aproveitar bem os momentos de Lazer, Culturais e Gastronómicos. Vendo bem
é mais que três em um.........
Beijo

Pico minha ilha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pico minha ilha disse...

Um bom local a visitar. Não posso ir, quem sabe um dia.À pergunta que fez,aqui vai a resposta.
Nunca publiquei nada, embora digam para o fazer.O meio aqui é pequeno, os gastos são muitos e muitas correções também teria que fazer nos textos.Sabe só tenho o 6ºano, muita coisa já me esqueceu, pontos e vírgulas.Quando andei no 5 e 6º tinha a mania de escrever, os professores gostavam.Cheguei a encher dois cadernos de textos.Como os pais não podiam dar estudo começei a trabalhar aos 14 anos, aos vinte casei, depois foi as filhas para criar e só agora à um ano e pouco voltei a escrever e a ler, que isso até para o lado tinha ficado.Tenho pena de ter queimado o que escrevi na altura de escola, mas lá vai e a seguir em frente e logo se vê.A minha patroa é professora do 1ºciclo e também já disse que alguns textos eram bons.Um beijinho Alcinda
ps E a escola acaba amanhã

alcinda leal disse...

Quem removeu a mensagem e porquê?
Eu não fui... terá sido o autor da mensagem?
Pergunta aos entendidos nestas coisas.
Até aqui eu pensava que uma vez posto o comentário só o gestor o podia remover.
Quem me elucida, por favor!

alcinda leal disse...

Perdão, queria dizer remover o comentário e não a mensagem
Alcinda

Anónimo disse...

Hummmm....

alcinda leal disse...

Pensava que a uma dúvida se respondia com um esclarecimento, senhor(a)anónimo(a)!
Essa forma de esclarecer lembra-me alguém...
Estarei certa?....
Alcinda

pico minha ilha disse...

Eu a que removi o comentário, pois me enganei.Alcinda se clicares em cima do titúlo do texto te aparece os comentários e quem ilininou.Um beijo, desculpa mas estava a falar sobre massa sovada aqui e era para a Lilás, como não se pode alterar o comentário tive de apaga-lo

alcinda leal disse...

Obrigada pelo esclarecimento, Salomé. Não sabia mesmo que se podia eliminar os comentários uma vez publicados! Até isto a Net tem de bom, é uma verdadeira escola para todos!
Sobre o que falámos de manhã, concordo que alguns textos necessitariam de revisões, mas a criatividade está-lhe na alma, Salomé!
E isto não é graxa...
Se puder continue os estudos, porque merece isso.
Mais uma vez obrigada pelo esclarecimento e um grande beijinho
Alcinda

Isa disse...

Bom dia,Alcinda.
É verdade!Sabe,a conversa com o Sebastião encanta-me.
Beijo.
isa.

Baila sem peso disse...

Este museu já foi visitado
Pelo meu filhote, algumas vezes
Eu, é hábito passear em frente a ele
Ao pé do meu Tejo, muitas vezes...

Bela forma de passeio...
Um dia lindo de recreio...
e também tem no saber, o enleio...

Um beijinho Alcinda e bom fim de semana!

Tais Luso de Carvalho disse...

Olá, Alcinda, vim te conhecer um pouco e agradecer tua visita. Através dos blogs conhecemos os blogueiros, sua maneira de pensar, do que gostam e o que apreciam.
Este museu é lindo. Adoro museus, antiquários e tudo que ofereça conhecimento e história. Gosto imensamente de ver a arquitetura das cidades, o povo e a vida comum, a real.
Teu blog está muito interessante, ainda estou um pouco perdida, mas com o tempo me sentirei mais em ‘casa’.

Um grande beijo
Tais luso