domingo, 9 de maio de 2010

Comemorações do Bicentenário das Linhas de Torres

h
Chamaram-lhe Escapadinhas nas Linhas,3 dias de cultura,2 séculos de história.
Houve visita guiada ,com recriação histórica, à exposição Guerra Peninsular 1807-1814. Também houve cozinha moderna... do seculo XIX,; passeios pedestre e todo o terreno, demonstrações de armamento e jantar de campo (ceia) e ainda almoço e jantar à época neste domingo de bom tempo. Foram servidas papas de milho com arrobe(?), cachola, rancho, arroz doce e sopas de cavalo cansado.
No sábado S.Pedro não esteve connosco. Choveu... a organização teve que deixar o forte e acolher-se no convento. Mas aí a ceia de porco na vara e frango na baioneta foi muito agradável, abrilhantada com música de gaita de foles.
Foi um excelente fim de semana que termina com chave de ouro com a boa nova da Luz.

3 comentários:

Uma Brasileira disse...

Boa tarde.


Li seu texto e fico curiosa com determinadas comidas em Portugal.

Fico imaginando como devem ser essas "sopas de cavalo cansado."


Abraços do tamanho do oceano que nos separa.

Mariana Ramos disse...

O que eu gostava de ter participado nessas comemorações!
Papas de milho e sopas de cavalo cansado, eu sei o que são, mas arrobe, o que é? O que comeste?
Pois, a boa nova da Luz deu alegria a "seis milhões de portugueses".
Eu não saí de casa, mas vi o fogo de artifício, aqui da minha cozinha.
Beijinhos
Nita

Andradarte disse...

Já entendi....não lembrava...
Encontros desses, não é para todos.
Sortuda..pena o tempo.
Beijo