domingo, 7 de março de 2010

Dia da Mulher/ É urgente o amor


É urgente o amor.
É urgente um barco no mar.

É urgente destruir certas palavras,
ódio, solidão e crueldade,
alguns lamentos,
muitas espadas.

É urgente inventar alegria,
multiplicar os beijos, as searas,
é urgente descobrir rosas e rios
e manhãs claras.

Cai o silêncio nos ombros e a luz
impura, até doer.
É urgente o amor, é urgente
permanecer.

Eugénio de Andrade

No centésimo aniversário da comemoração do dia da Mulher, ofereço a todas Nós este belo poema que nos fala da urgência do AMOR para toda a Humanidade!

6 comentários:

Isa disse...

Obrigada pelo Poema!
Obrigada pela "urgência" de expandir esse Sentimento!
Feliz Dia da Mulher!
Beijo.
isa.

Andradarte disse...

Oferece e muito bem. Quem merece merece.....
Bonita colagem...
Beijo

Manuela Freitas disse...

Belissimo poema de Eugénio, muito de acordo com a ocasião!...
Que todas as mulheres possam usufruir desse amor e de RESPEITO!...
Um beijinho especial neste nosso dia, embora todos sejam nossos, com eles, em PAZ E AMOR, é o que se deseja,
Manuela

Margarida Fernandes disse...

Obrigada por este poema de Eugénio de Andrade para celebrar o dia da mulher.

Beijinho

Helena Teixeira disse...

Fiquei carente.Mas o importante é dar Amor :)

Alcinda,vinha desejar-lhe uma boa viagem e que se divirta muito na cidade espanhola onde eu sonho ir um dia :)

Jocas gordas
Lena

Aninha Loirinha disse...

Amo este poema...