sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Homenagem a Amália

Este ano faz dez anos que morreu AMÁLIA. Começaram as homenagens!
Acabei de ver um programa na RTP2 em que se falou bastante do filme. De um modo geral as opiniões são semelhantes à minha: faltou realçar a mulher de cultura em que ela se tornou por mérito próprio.
Com um baixo nível de escolaridade, conseguiu levar o fado a camadas da população que até então não o ouviam, porque escolheu bons poemas! Talvez tenha mesmo ajudado a dar a conhecer a boa poesia Portuguesa!
Ela própria escreveu muitos dos poemas dos seus fados! Conseguiu partir de patamar muito baixo e, por mérito próprio com muita inteligência e sensibilidade, elevar-se e ser a grande comunicadora, a grande intérprete do Fado, a pessoa que dignificou o fado!
Saí do filme com essa sensação de saber a pouco. Namoros?Casos? Quem os não tem?
É claro que o filme precisa de vender...e por isso precisa de uns enredos...
De qualquer modo concordo que se tenha feito o filme, e acho que próximos filmes poderão fazer realçar o imenso caracter da MULHER Amália... e assim ficar reposta a justiça!

2 comentários:

Anónimo disse...

Oh minha amiga. Não me pareceu muito animada. Eu estava muito indeciso.....e confesso que a sua crítica não me animou mais não. Para já não irei.Beijo

Andradarte disse...

Não sei que aconteceu, mas não é Anónimo, é Andradarte